Novos vinhos chilenos chegam à Casa Rio Verde

Dê sua nota a esse post

Estivemos ontem na degustação dos vinhos Viña Siegel na Casa Rio Verde. O evento contou com a participação de importantes formadores de opinião de Belo Horizonte e foi conduzido por Regina Perillo, nova assessora de comunicação da empresa.

Evento Casa Rio Verde e Viña Siegel

Equipe Notas de Sabor no Evento Casa Rio Verde e Viña Siegel

Viña Siegel

A Viña Siegel é um produtor vinícola localizado no coração do Valle de Colchagua, no Chile.

Cultivam as seguintes cepas: Cabernet Sauvignon, Sauvignon Blanc, Chardonnay, Merlot e Carmenere e tem seguintes marcas: San Elias, Crucero e Siegel.

Suas videiras estão plantadas em sete diferentes vinhedos, que proporciona uma distribuição estratégica no plantio, aproveitando o que tem de melhor em seu terroir (desde as encostas da Cordilheira dos Andes até as áreas vizinhas da Costa do Pacífico.

[nggallery id=2]

 

Casa Rio Verde

Com sete lojas em Belo Horizonte e uma inauguração prevista para julho (na praça Marília de Dirceu), a Casa Rio Verde comercializou 200 mil garrafas de vinho em 2001 e espera um crescimento de 15% em 2012.

A casa oferece mais de 400 rótulos, vem importando diretamente de sete vinícolas francesas, argentinas e chilenas.

Oferece também vinhos de butique como Adolfo Lona e Lídio Carraro.

Degustação de Vinhos

Foram 7 vinhos degustados seguindo a ordem abaixo:

  1. Crucero Reserva Sauvignon Blanc 2010: Cor amarela com tons verdeais. Sabores cítricos e acidez vibrante. Segundo Robert Parker, vinho de excelente relação qualidade x preço.
  2. Crucero Reserva Chardonnay 2010: Parcialmente elaborado em sur lie (sem filtragem das borras), vinho de cor amarela dourada, aroma frutado com notas de mel, banana e baunilha. Final de boca longo e intenso. Uma boa surpresa!
  3. Crucero Cabernet Sauvignon 2010: Intensa cor rubi com aroma agradável de frutas vermelhas maduras, geléia de morango e alguns tons de baunilha. Na boca é redondo e equilibrado, taninos suaves, boa concentração e persistência.
  4. Crucero Reserva Merlot 2009: Com rubi e aromas complexos. Vinho envelhecido em barricas de carvalho franceses e madeira americana. Possui notas de frutas negras, aromas picantes. Tons macios tornam o vinho muito fácil de beber.
  5. Crucero Reserva Carménère 2009: Intensa cor violeta, aromas de especiarias e pimenta preta, com algumas notas de café e tabaco. Na boca é encorpado e redondo.
  6. Gran Crucero Limited Edition 2008: Assemblage de Caménère, Syrah e Cabernet Sauvignon envelhecido em carvalho francês e americano por 18 meses. Bastante robusto e picante na boca e com um final bastante frutado.
  7. Gran Crucero Limited Edition 2009: Assemblage de Caménère, Syrah e Cabernet Sauvignon. Vermelho escuro, com aromas de frutas negras e vermelhas, bastante frutado com destaque para cereja. Notas leves de especiarias e um final de cedro.
Nossos parabéns ao Sr. Haendel Roberto, diretor da Casa Rio Verde pela conquista. Os amantes do vinho agradecem!

*Post feito a partir do material da Regina Perillo Comunicação sobre a Casa Rio Verde e Viña Siegel.



1 Comentário

  1. Antônio wrote:

    Jabá, hein!? Texto parece (ou é) release.